CAMISETAS À VENDA

Veja nossa nova linha de camisetas em parceria com a Urban Klothes.

CONFIRA

OUTROS DEDILHAM VIOLÕES

Saiba como tocar as canções do Tiago Iorc com vídeo aulas bem feitas e simples.

CONFIRA

GRUPO NO FACEBOOK

Faça parte do nosso grupo no Facebook, compartilhe fotos, vídeos e experiências com outros fãs.

PARTICIPE

SPOTIFY

Acompanhe a discografia completa do Tiago Iorc no Spotify. Seu último álbum, 'Troco Likes' está disponível.

OUÇA

DÚVIDAS

Alguma dúvida ou, simplesmente, gostaria de fazer contato conosco?

ENVIE UM E-MAIL
Troque likes
via Instagram
com @tiagoiorc.

A Crítica: A descoberta de Tiago Iorc em novo disco


O site "A Critica" postou uma matéria comentando sobre o novo disco "Troco Likes" e apresentou varios trechos de entrevista em que o cantor conta como foi cada processo.

Confira a matéria completa:



A leveza da voz do cantor Tiago Iorc tem plateia cativa por todo o Brasil. Conhecido inicialmente pelas músicas inseridas nas trilhas sonoras de novelas - a exemplo de “Nothing But a Song”, que integrou “Malhação” em 2007, e a releitura praiana de “What A Wonderful World”, de Louis Armstrong, na novela “Sete Vidas” - ele é cada vez mais reverenciado na cena musical brasileira, independente de ter músicas nas paradas ou trilhas de sucesso. O seu mais recente álbum, “Troco Likes”, é uma plena evidência desta qualidade, mesclada às novas formas de linguagens impostas pelas redes sociais.

Em entrevista ao BEM VIVER TV, o cantor e compositor de 29 anos afirma que o disco é uma imersão pela necessidade de ser quisto, de ser gostado. De “significar”. “Começou com a vontade de falar sobre o reflexo disso na nossa vida virtual, depois foi se revelando bem pessoal”, confessa. Embora “Troco Likes” incorpore uma atmosfera mais despojada e menos romântica do que “Zeski”, o disco antecessor, Tiago explica que a fórmula de composição nunca será tão objetiva assim.

“Digo, por mais que existisse a pré-vontade de, por exemplo, fazer um disco mais enérgico e feliz, surgiram canções como ‘Eu Errei’ e ‘Liberdade ou Solidão’. Vou descobrindo o que o disco vai ser durante o processo”, comenta ele. Para dar início ao processo de composição/gravação/produção do disco, Iorc vinha reunindo algumas ideias para músicas, e em fevereiro deste ano se isolou por algumas semanas em Santa Catarina para compor.

“Depois tivemos dois momentos de ensaios com os músicos em Vitória (ES) e Curitiba (PR). Aí passamos um mês no Rio de Janeiro gravando e finalizando. Nem sei dizer o quanto isso influenciou ou não no resultado. Talvez a influência maior seja mesmo a das pessoas que se envolveram no processo. Cada um deixou um pouco de si nas músicas”, declara, revelando qual sua música favorita no disco. “Gostei muito de ‘Eu Errei’. Poucas vezes consegui escancarar tanto um sentimento, sem o medo de expor demais”.


Batendo cabeça

Sobre os desafios na hora de dar forma ao disco, Tiago define “Coisa Linda” como uma música que “patinou” um pouco na produção. “É uma música tão sutil... estava difícil de encaixar os elementos percussivos, a linha do baixo. Sem que tudo ficasse agressivo, destoando do que a música precisava ser. Tentamos algumas vezes e estava soando estranho, perdendo a beleza das sutilezas da canção. Parti então pra uma versão voz e violão”, destaca.

Após o registro feito, no último dia de estúdio Felipe, o empresário de Tiago, comentou que esperava algo a mais para essa música, “sonicamente” falando. “Resolvemos fazer mais uma tentativa. Recomeçamos do zero e fomos encontrando a atmosfera para a música, partindo da ideia de que era preciso manter a sensação da música, sem abafá-la com a instrumentação”, opina.

A turnê do disco “Troco Likes” passa por Manaus no dia 23 de outubro, no Teatro Manauara. As lembranças de Iorc sempre vem à mente. “Amei conhecer Manaus. Fui recebido com muito carinho por todos [em shows anteriores]. O último show foi inesquecível”, relembra, adiantando que pela primeira vez está sentindo vontade de fazer um registro ao vivo. “Acho que esse disco vai dar sentido a isso”. Quem viver, verá!

Saiba mais

“Pouco vale o tempo se não com você”O cantor namora a atriz Isabelle Drummond, de 21 anos, há pouco mais de um ano. Isso faz a loira estar impressa nas inspirações do artista na hora dele se relacionar com a profissão. “Hoje me vejo muito mais apaixonado pela vida. A Isabelle me trouxe isso. Fiquei menos cauteloso e mais entregue, e isso se reflete nas músicas, claro. Ela me inspira muito e se tornou minha grande companheira de vida. Mais do que simplesmente me apoiar, ela me instiga a ser mais pleno”, celebra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário